h1

Colunas do BC – Sangue Azul do Interior

11 março, 2008

Por quê o Mineirão encolheu?

Rodrigo Espigão

“Ao longo dos anos a capacidade de público foi diminuindo por fatores diversos.”

O estádio Governador Magalhães Pinto, nosso popular “Mineirão”, foi inaugurado em 5 de setembro de 1965, com capacidade original para 130.000 espectadores. Desde sua abertura, foi palco de grandes públicos, jogos e conquistas do nosso querido Cruzeiro.

Todos nós sabemos que o recorde de público presente foi em 22 de junho de 1997, na final do Campeonato Mineiro entre Cruzeiro e Vila Nova, quando foram registrados 132.834; o maior público pagante de um jogo internacional oficial disputado no estádio também foi em jogo pertencente ao Cruzeiro: no empate em 0 X 0 contra o Bayern de Munique, em 21 de dezembro de 1976, na decisão do Mundial Interclubes, com 113.715 pagantes; o maior público pagante de um jogo nacional oficial foi em 4 de maio de 1969, na partida Cruzeiro 1 X 0 Atl/MG, com 123.351 pagantes. Fora estes jogos recordistas, também podemos citar outros grandes públicos da china azul na história do estádio: 109.363 (Cruzeiro 2 X 1 Atl/MG em 15/12/1974); 122.534 (Cruzeiro 3 X 1 Atl/MG em 09/10/1977 – dia do meu aniversário de 3 anos); 95.472 (Cruzeiro 1 X 0 Sporting Cristal em 13/08/1997) e mais tantos jogos que não citaremos para não alongar nossa coluna.

Crédito Foto: G. Guimarães
Foto G. Guimarães/Internet

Ao longo dos anos a capacidade de público foi diminuindo por fatores diversos. Com as exigências da FIFA para as eliminatórias da Copa de 2006, todo o setor de arquibancadas superior e posteriormente as arquibancadas inferiores, foram cobertos por cadeiras numeradas em sua extensão, fato que veio a diminuir ainda mais a capacidade de público do estádio, que em dias atuais é de 75.783 espectadores, mas conforme acordo com o Ministério Público é impedida a venda da carga máxima de ingressos. O fato é que nunca consegui entender, o porquê da diminuição tão drástica da capacidade de público do estádio. Inaugurado para 130.000 torcedores, o Mineirão hoje tem pouco mais da metade de sua capacidade inaugural e com as obras de revitalização previstas (rebaixamento do gramado, construção de camarotes e extensão das cadeiras), o público passará para cerca de 68.000. Ultimamente em jogos do Cruzeiro, nossas reclamações como torcedores são sempre da falta de ingressos, a tumultuada venda antecipada, dos problemas para acesso ao estádio, da falta de vagas no estacionamento, dos cambistas que continuam atuando (mesmo que em menor número), etc. No clássico do último domingo (09/03), ainda privaram a torcida de grande parte do anel superior, logo na melhor parte do estádio, como espaço de segurança para divisão das torcidas.

Com um estádio praticamente lotado, onde outrora já tivemos 80, 90 e mais de 100.000 torcedores, haviam 55.000. Será que o Mineirão encolheu? Particularmente, mais uma vez ressalto que não consigo entender tal situação. E você, amigo cruzeirense?

Sangue Azul nas veias! Abraços 5 estrelas,
Rodrigo Espigão (perfil completo)

Anúncios

17 comentários

  1. PRIMO ACHO QUE NÃO É SO VC QUE ESTA MEIO PERDIDO COM ESTE FATO.
    INFELISMENTE QUEM DEVERIA RESPONDER NÃO VAI APARECER PORQUE SERÁ?????
    UM ABRAÇO PRIMO E FICA COM DEUS!!


  2. Essa é uma questão difícil de dizer, ADEMG, FMF, CBF, STJD, CONAF são órgãos obscuros, dizem que são transparentes mas não são. São vários fatores nas entrelinhas, não há uma explicação para isso, pelo menos pela minha conceção. Segurança? Creio que não, projetos para segurança podem ser feitos sem a diminuição dos espaços nas arquibancadas, padronização? Padronização pode ser feito sem encurtamentos dos espaços….

    na verdade estão tentando diminuir a torcida do Cruzeiro, pois as galinhas já estão sem torcedores… heheheh 🙂

    Já está passando da hora do estádio do Cruzeiro 50
    mil lugares

    Abraços para todos!


  3. Estamos mais bárbaros que quando deixavam ingressar 110 mil espectadores, e nós somos todos responsáveis por isso. Ninguém se salva. Por ação ou por omissão, por aplaudir e cantar em coro imbecilidades, por fazer apologia de “nós somos o máximo” quando por trás há um vazio entristecedor de baixa-estima individual e de massa.
    A polícia, para manter um pouco a ordem da catástrofe anunciada, pede para reduzir o número de ingressos. Imagino pronto terá que jogar-se com a intervenção do Exército para segurar a selvageria de grupos inflamados sem base cultural nem educação para a tolerância, atravessando pontes, avenidas, correndo pelas ruas armados e utilizando como escudo a camisa dos clubes que dizem defender com unhas e dentes.
    Ninguém quer ceder nada. Tudo bem. A cabeça não funciona, o corpo paga.
    Saudações Celestes – Jorge Schulman


  4. 130.000 120.000 100.000 90.000 80.000 75.000 a violência está em todo lugar, no estádio por incrível que pareça não há tanto problema assim. Tudo é nas imediações e em lugares como no centro da cidade.

    Diminuir os espaços do segundo maior estádio coberto do mundo não é a solução. É necessário repensar políticas de segurança, todos nós somos culpados desse movimento animal “as torcidas organizadas que pregram o adversário como inimigo mortal”.

    Concordo que somos todos culpados, mas “atrofiar” o gigante da pampulha, onde o Cruzeiro tem histórias e recordes memoráveis de públicos, é forçar a barra.

    Saudações 5 Estrelas.


  5. E mais facil diminuir a capacidade do MINEIRÃO do que dar trabalho para as autoridades !!!!

    Pra mim isso esta cada vez mais claro!!!!

    Nosso estadio já!!!

    Vamos vamos CRUZEIRO………….


  6. Mineirão com 50000 pessoas num faz pressão eficientemente, poderiamos tranquilamente ter nossa arena fechadinha pra 50000 cruzeirenses e fazermos uma pressão terrivel e empurrar nosso Cruzeirão!!!
    quem falava q nao queria um estadio pq não caberia a china azul nos seus grandes jogos, acabou de ver que nao temos esse estadio. em nossa arena venderiamos 3000 pras cocotas e teriamos 47000 lugares só para nós!!!isso seria muito bom


  7. Irmão, suas palavras deviam chegar aos grandes “cartolas” que para muitos só existem no futebol carioca mas estão bem aqui no nosso estado e muitos não querem ver. Sua indignação é a mesma que aflige milhares de torcedores por todo o estado.
    “O MINEIRÃO É NOSSO”!!!!
    Abraços.


  8. Realmente é muito grande a redução do público. O Cruzeiro que detêm o recorde de público do estádio, e SERÁ PRA SEMPRE O RECORDISTA em vista dessas reduções de público já colocou 132.834 pessoas dentro do Mineirão. Acho que uns 90.000 talvez não comprometessem a segurança, será?

    Saudações Celestes
    SITE/BLOG…..CRUZEIRO: O MAIOR DE MINAS
    CONHEÇA UMA NOVIDADE AZUL – 5 ESTRELAS
    CONHEÇA UMA NOVIDADE AZUL – 5 ESTRELAS
    ENTREM E SINTAM-SE A VONTADE


  9. Vamos abrir a campanha! Estádio do Cruzeiro Já!
    Vamos largar o mineirão pro governo do estado e o patético gaylo mineiro. a SEEJ, Secretaria de Esportes e Juventude já está precionamento nosso time para assumir o mineirão junto com o Gaylo.

    Vamos dizer não é essa ridícula parceria! O Cruzeiro Merece uma casa digna, uma arena para 50000 mil cruzeirenses!! Nosso estádio, nossa casa.

    Um time como o Cruzeiro que é primeiro em Minas e Sexto Brasil merece uma arena azul

    “Arena China Azul”
    “Arena da Nação Azul”
    “Arena 5 Estrelas”
    “Arena da Raposa”
    “Arena degola frango” e por aí vai heheheh 🙂

    Saudações Cruzeirenses!!


  10. Eu sou suspeito pra falar, pois sou um dos maiores defensores da Arena Paletra Itália do Cruzeiro.
    O Mineirão não oferece mais conforto e segurança para o torcedor, encolheu de forma assustadora e já não é mais o gigante da Pampulha a não ser pelo tamanho.
    40 mil torcedores não oferecem nenhum tipo de pressão no time adversário.
    Arena Palestra Itália já!

    Saluti Celesti


  11. Qual é a maior arma do futebol sul americano, principalmente o Argentino?

    Os estádios que possuem arquitetura onde a torcida “joga” com o time. A pressão nesses estádios são enormes. Esse mineirão não tá com nada, 40 mil torcedores não faz o efeito esperado sobre o time adversário.

    Estádio do Cruzeiro já!!!!!

    Saudações Celestes!!!!!


  12. Uma arena para 45~50mil pessoas é mais do que suficiente. Nem nos jogos da libertadores ta dando 40mil. E a exemplo da kyocera arena, 10mil torcedores ja fazem uma pressao imensa. Sem falar no conforto, segurança, RENDA para o clube, etc.


  13. NOS DIAS DE HJ UMA ARENA PARA 40 A 50 MIL PESSOAS SERIA O IDEAL.
    MAS ACHO QUE FALTA UM POUCO DE TRANSPARENCIA DOS PERRELAS SOBRE A NOSSA ARENA!!!!!!!
    QUE TAL: ARENA DO RAPOSÃO 5 ESTRELAS
    VAMOS DEIXAR O MINEIRÃO PARA O OUTRO LADO QUE SÓ VÊM VENDO A TORCIDA DIMINUIR E O MINEIRÃO ENCOLHER!! ACHO QUE COMBINA!! KKKKKKKKKK
    UM ABRAÇO 5 ESTRELAS!!


  14. Ae Rodrigão demorei mas chegei com meu comentário…
    Mineirão .. lugar de títulos .. glórias .. recordes .. massacres .. lugar onde impera um time :: Cruzeiro, pois é o único que já ergueu títulos de verdade por aqui.
    Não podemos desfazer desta, que por anos e anos vem sendo a nossa casa e que faz sim os adversários tremerem .. No jogo contra o Potosi, a extenssão do campo foi um fator alegado pelos adversários como uma arma celeste no Mineirão e a arma deles seria a altitude lá na bolívia.

    Acho que por alguns longos anos ainda residiremos no Gigante da Pampulha, pois o projeto da arena azul nem foi fechado ainda, muito menos o terreno foi comprado.. Ah, fiquei sabendo que o estádio seria no Jardim Canadá – (saída Bh – Rj) cidade de Nova Lima, ali vai se bom pra nós hein Espigão!! Queremos logo um estádio, pois a nação azul não cabe mais no Mineirão!!
    Dalê Zêro!


  15. Registro aqui minha INDIGNAÇÃO.

    O Mineirão, além de encolher drasticamente nos últimos anos, não oferecer conforto e segurança para seu torcedor e ter vias de acesso constantemente engarrafadas em dias de maior público, ainda se permite o luxo de não oferecer total disponibilidade para os jogos dos clubes de BH.
    Eventos de música são priorizados em detrimento de jogos de futebol, pelos quais presume-se que o Mineirão tenha sido construído.
    Até a Libertadores da América, competição internacional, não escapa da regra. Mineirão, definitivamente perdeu o brilho que só fica nas cabeças de poucos saudosistas.

    Por isso que eu falo, Arena Palestra Italia já!

    Evento Axé transfere jogo do Cruzeiro para outro estádio … será que estou mesmo no país do futebol?

    Piada de mau-gosto!

    Saluti Celesti


  16. Amigos, agradeço os comentários que têm sido postados nas colunas que escrevi até agora. É gratificante ver que os mesmos estão rendendo polêmica, opiniões e pontos de vista da galera do BC.
    Mesmo não tendo formação como jornalista, apenas experiência amadora de 14 anos na área, mais uma vez agradeço ao Benny por esta oportunidade única e ímpar. Tenho me dedicado no máximo possível para tentar corresponder as expectativas.
    Quanto ao Mineirão perder espaço e “diminuir”, é mesmo inexplicável. Agora ainda somos preteridos por um evento de “axé”, tendo que ver o Cruzeiro se distanciar do estádio para jogar em outra praça, logo num jogo de Libertadores. É o fim!
    Vou tomar as palavras do Benny também:
    ARENA PALESTRA ITÁLIA! Já!

    Sangue Azul nas veias! Abraços 5 estrelas,


  17. É UMA VERGONHA NOS SOMOS O PAIS DO FUTEBOL,(É APENAS UM JOGO DA LIBERTADORES 2008 QUE O AZULÃO NÃO PODERA CONTAR COM SUA ENORME TORCIDA EM SUA CASA) OU SÓ DO AXXXÈ??????????????????
    CADÊ AS EXPLICAÇÕES DA DIRETORIA!!??
    MAS COMO O TIME É MAIOR QUE ISTO TUDO VAMOS SEGUIR EM
    FRENTE!
    E O NOSSA ARENA!!(ARENA DO RAPOSÃO 5 ESTRELAS)

    UM ABRAÇO A TODOS DO BLOG!



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: